Esdras 2:1-70

2:1 ESTES são os filhos da província, que subiram do cativeiro, dentre os exilados, que Nabucodonosor, rei de Babilônia, tinha transportado a Babilônia, e tornaram a Jerusalém e a Judá, cada um para a sua cidade; 
2:2 Os quais vieram com Zorobabel, Jesuá, Neemias, Seraías, Reelaías, Mardoqueu, Bilsã, Mizpar, Bigvai, Reum e Baaná. O número dos homens do povo de Israel: 
2:3 Os filhos de Parós, dois mil cento e setenta e dois. 
2:4 Os filhos de Sefatias, trezentos e setenta e dois. 
2:5 Os filhos de Ará, setecentos e setenta e cinco. 
2:6 Os filhos de Paate-Moabe, dos filhos de Jesuá-Joabe, dois mil oitocentos e doze. 
2:7 Os filhos de Elão, mil duzentos e cinqüenta e quatro. 
2:8 Os filhos de Zatu, novecentos e quarenta e cinco. 
2:9 Os filhos de Zacai, setecentos e sessenta. 
2:10 Os filhos de Bani, seiscentos e quarenta e dois. 
2:11 Os filhos de Bebai, seiscentos e vinte e três. 
2:12 Os filhos de Azgade, mil duzentos e vinte e dois. 
2:13 Os filhos de Adonicão, seiscentos e sessenta e seis. 
2:14 Os filhos de Bigvai, dois mil e cinqüenta e seis. 
2:15 Os filhos de Adim, quatrocentos e cinqüenta e quatro. 
2:16 Os filhos de Ater, de Ezequias, noventa e oito. 
2:17 Os filhos de Bezai, trezentos e vinte e três. 
2:18 Os filhos de Jora, cento e doze. 
2:19 Os filhos de Hasum, duzentos e vinte e três. 
2:20 Os filhos de Gibar, noventa e cinco.
2:21 Os filhos de Belém, cento e vinte e três. 
2:22 Os homens de Netofá, cinqüenta e seis. 
2:23 Os homens de Anatote, cento e vinte e oito. 
2:24 Os filhos de Azmavete, quarenta e dois. 
2:25 Os filhos de Quiriate-Arim, Quefira e Beerote, setecentos e quarenta e três. 
2:26 Os filhos de Ramá, e de Geba, seiscentos e vinte e um. 
2:27 Os homens de Micmás, cento e vinte e dois. 
2:28 Os homens de Betel e de Ai, duzentos e vinte e três. 
2:29 Os filhos de Nebo, cinqüenta e dois. 
2:30 Os filhos de Magbis, cento e cinqüenta e seis. 
2:31 Os filhos do outro Elão, mil duzentos e cinqüenta e quatro. 
2:32 Os filhos de Harim, trezentos e vinte. 
2:33 Os filhos de Lode, de Hadide e de Ono, setecentos e vinte e cinco. 
2:34 Os filhos de Jericó, trezentos e quarenta e cinco. 
2:35 Os filhos de Senaá, três mil seiscentos e trinta. 
2:36 Os sacerdotes: os filhos de Jedaías, da casa de Jesuá, novecentos e setenta e três. 
2:37 Os filhos de Imer, mil e cinqüenta e dois. 
2:38 Os filhos de Pasur, mil duzentos e quarenta e sete. 
2:39 Os filhos de Harim, mil e dezessete. 
2:40 Os levitas: os filhos de Jesuá e Cadmiel, dos filhos de Hodavias, setenta e quatro.
2:41 Os cantores: os filhos de Asafe, cento e vinte e oito. 
2:42 Os filhos dos porteiros: os filhos de Salum, os filhos de Ater, os filhos de Talmom, os filhos de Acube, os filhos de Hatita, os filhos de Sobai; ao todo, cento e trinta e nove. 
2:43 Os netinins: os filhos de Zia, os filhos de Hasufa, os filhos de Tabaote, 
2:44 Os filhos de Querós, os filhos de Siá, os filhos de Padom, 
2:45 Os filhos de Lebaná, os filhos de Hagaba, os filhos de Acube, 
2:46 Os filhos de Hagabe, os filhos de Sanlai, os filhos de Hanã, 
2:47 Os filhos de Gidel, os filhos de Gaar, os filhos de Reaías, 
2:48 Os filhos de Rezim, os filhos de Necoda, os filhos de Gazão, 
2:49 Os filhos de Uzá, os filhos de Paseá, os filhos de Besai, 
2:50 Os filhos de Asna, os filhos dos meunitas, os filhos dos nefuseus, 
2:51 Os filhos de Bacbuque, os filhos de Hacufa, os filhos de Harur, 
2:52 Os filhos de Bazlute, os filhos de Meída, os filhos de Harsa, 
2:53 Os filhos de Barcos, os filhos de Sísera, os filhos de Tama. 
2:54 Os filhos de Neziá, os filhos de Hatifa, 
2:55 Os filhos dos servos de Salomão; os filhos de Sotai, os filhos de Soferete, os filhos de Peruda, 
2:56 Os filhos de Jaalá, os filhos de Darcom, os filhos de Gidel, 
2:57 Os filhos de Sefatias, os filhos de Hatil, os filhos de Poquerete-Hazebaim, os filhos de Ami. 
2:58 Todos os netinins, e os filhos dos servos de Salomão, trezentos e noventa e dois. 
2:59 Também estes subiram de Tel-Melá e Tel-Harsa, Querube, Adã e Imer; porém não puderam provar que as suas famílias e a sua linhagem eram de Israel. 
2:60 Os filhos de Delaías, os filhos de Tobias, os filhos de Necoda, seiscentos e cinqüenta e dois.
2:61 E dos filhos dos sacerdotes: os filhos de Habaías, os filhos de Coz, os filhos de Barzilai, que tomou mulher das filhas de Barzilai, o gileadita, e que foi chamado do seu nome. 
2:62 Estes procuraram o seu registro entre os que estavam arrolados nas genealogias, mas não se acharam nelas; assim, por imundos, foram excluídos do sacerdócio. 
2:63 E o governador lhes disse que não comessem das coisas consagradas, até que houvesse sacerdote com Urim e com Tumim. 
2:64 Toda esta congregação junta foi de quarenta e dois mil trezentos e sessenta, 
2:65 Afora os seus servos e as suas servas, que foram sete mil trezentos e trinta e sete; também tinha duzentos cantores e cantoras. 
2:66 Os seus cavalos, setecentos e trinta e seis; os seus mulos, duzentos e quarenta e cinco; 
2:67 Os seus camelos, quatrocentos e trinta e cinco; os jumentos, seis mil setecentos e vinte. 
2:68 E alguns dos chefes dos pais, vindo à casa do SENHOR, que habita em Jerusalém, deram ofertas voluntárias para a casa de Deus, para a estabelecerem no seu lugar. 
2:69 Conforme as suas posses, deram para o tesouro da obra, em ouro, sessenta e uma mil dracmas, e em prata cinco mil libras, e cem vestes sacerdotais. 
2:70 E habitaram os sacerdotes e os levitas, e alguns do povo, tanto os cantores, como os porteiros, e os netinins, nas suas cidades; como também todo o Israel nas suas cidades. 

Esdras 1:1-11

1:1 NO primeiro ano de Ciro, rei da Pérsia (para que se cumprisse a palavra do SENHOR, pela boca de Jeremias), despertou o SENHOR o espírito de Ciro, rei da Pérsia, o qual fez passar pregão por todo o seu reino, como também por escrito, dizendo: 
1:2 Assim diz Ciro, rei da Pérsia: O SENHOR Deus dos céus me deu todos os reinos da terra, e me encarregou de lhe edificar uma casa em Jerusalém, que está em Judá. 
1:3 Quem há entre vós, de todo o seu povo, seja seu Deus com ele, e suba a Jerusalém, que está em Judá, e edifique a casa do SENHOR Deus de Israel (ele é o Deus) que está em Jerusalém. 
1:4 E todo aquele que ficar atrás em algum lugar em que andar peregrinando, os homens do seu lugar o ajudarão com prata, com ouro, com bens, e com gados, além das dádivas voluntárias para a casa de Deus, que está em Jerusalém. 
1:5 Então se levantaram os chefes dos pais de Judá e Benjamim, e os sacerdotes e os levitas, com todos aqueles cujo espírito Deus despertou, para subirem a edificar a casa do SENHOR, que está em Jerusalém. 
1:6 E todos os que habitavam nos arredores lhes firmaram as mãos com vasos de prata, com ouro, com bens e com gado, e com coisas preciosas; além de tudo o que voluntariamente se deu. 
1:7 Também o rei Ciro tirou os utensílios da casa do SENHOR, que Nabucodonosor tinha trazido de Jerusalém, e que tinha posto na casa de seus deuses. 
1:8 Estes tirou Ciro, rei da Pérsia, pela mão de Mitredate, o tesoureiro, que os entregou contados a Sesbazar, príncipe de Judá. 
1:9 E este é o número deles: trinta travessas de ouro, mil travessas de prata, vinte e nove facas, 
1:10 Trinta bacias de ouro, mais outras quatrocentas e dez bacias de prata, e mil outros utensílios. 
1:11 Todos os utensílios de ouro e de prata foram cinco mil e quatrocentos; todos estes levou Sesbazar, quando os do cativeiro subiram de Babilônia para Jerusalém. 

Tito 3:1-15

3:1 Admoesta-os a que se sujeitem aos principados e potestades, que lhes obedeçam, e estejam preparados para toda a boa obra; 
3:2 Que a ninguém infamem, nem sejam contenciosos, mas modestos, mostrando toda a mansidão para com todos os homens. 
3:3 Porque também nós éramos noutro tempo insensatos, desobedientes, extraviados, servindo a várias concupiscências e deleites, vivendo em malícia e inveja, odiosos, odiando-nos uns aos outros. 
3:4 Mas quando apareceu a benignidade e amor de Deus, nosso Salvador, para com os homens, 
3:5 Não pelas obras de justiça que houvéssemos feito, mas segundo a sua misericórdia, nos salvou pela lavagem da regeneração e da renovação do Espírito Santo, 
3:6 Que abundantemente ele derramou sobre nós por Jesus Cristo nosso Salvador; 
3:7 Para que, sendo justificados pela sua graça, sejamos feitos herdeiros segundo a esperança da vida eterna. 
3:8 Fiel é a palavra, e isto quero que deveras afirmes, para que os que crêem em Deus procurem aplicar-se às boas obras; estas coisas são boas e proveitosas aos homens. 
3:9 Mas não entres em questões loucas, genealogias e contendas, e nos debates acerca da lei; porque são coisas inúteis e vãs. 
3:10 Ao homem herege, depois de uma e outra admoestação, evita-o, 
3:11 Sabendo que esse tal está pervertido, e peca, estando já em si mesmo condenado. 
3:12 Quando te enviar Ártemas, ou Tíquico, procura vir ter comigo a Nicópolis; porque deliberei invernar ali. 
3:13 Acompanha com muito cuidado Zenas, doutor da lei, e Apolo, para que nada lhes falte. 
3:14 E os nossos aprendam também a aplicar-se às boas obras, nas coisas necessárias, para que não sejam infrutuosos. 
3:15 Saúdam-te todos os que estão comigo. Saúda tu os que nos amam na fé. A graça seja com vós todos. Amém. 

Tito 2:1-15

2:1 TU, porém, fala o que convém à sã doutrina. 
2:2 Os velhos, que sejam sóbrios, graves, prudentes, sãos na fé, no amor, e na paciência; 
2:3 As mulheres idosas, semelhantemente, que sejam sérias no seu viver, como convém a santas, não caluniadoras, não dadas a muito vinho, mestras no bem; 
2:4 Para que ensinem as mulheres novas a serem prudentes, a amarem seus maridos, a amarem seus filhos, 
2:5 A serem moderadas, castas, boas donas de casa, sujeitas a seus maridos, a fim de que a palavra de Deus não seja blasfemada. 
2:6 Exorta semelhantemente os jovens a que sejam moderados. 
2:7 Em tudo te dá por exemplo de boas obras; na doutrina mostra incorrupção, gravidade, sinceridade, 
2:8 Linguagem sã e irrepreensível, para que o adversário se envergonhe, não tendo nenhum mal que dizer de nós. 
2:9 Exorta os servos a que se sujeitem a seus senhores, e em tudo agradem, não contradizendo, 
2:10 Não defraudando, antes mostrando toda a boa lealdade, para que em tudo sejam ornamento da doutrina de Deus, nosso Salvador. 
2:11 Porque a graça de Deus se há manifestado, trazendo salvação a todos os homens, 
2:12 Ensinando-nos que, renunciando à impiedade e às concupiscências mundanas, vivamos neste presente século sóbria, e justa, e piamente, 
2:13 Aguardando a bem-aventurada esperança e o aparecimento da glória do grande Deus e nosso Salvador Jesus Cristo; 
2:14 O qual se deu a si mesmo por nós para nos remir de toda a iniqüidade, e purificar para si um povo seu especial, zeloso de boas obras. 
2:15 Fala disto, e exorta e repreende com toda a autoridade. Ninguém te despreze. 

Tito 1:1-16

1:1 PAULO, servo de Deus, e apóstolo de Jesus Cristo, segundo a fé dos eleitos de Deus, e o conhecimento da verdade, que é segundo a piedade, 
1:2 Em esperança da vida eterna, a qual Deus, que não pode mentir, prometeu antes dos tempos dos séculos; 
1:3 Mas a seu tempo manifestou a sua palavra pela pregação que me foi confiada segundo o mandamento de Deus, nosso Salvador; 
1:4 A Tito, meu verdadeiro filho, segundo a fé comum: Graça, misericórdia, e paz da parte de Deus Pai, e da do Senhor Jesus Cristo, nosso Salvador. 
1:5 Por esta causa te deixei em Creta, para que pusesses em boa ordem as coisas que ainda restam, e de cidade em cidade estabelecesses presbíteros, como já te mandei: 
1:6 Aquele que for irrepreensível, marido de uma mulher, que tenha filhos fiéis, que não possam ser acusados de dissolução nem são desobedientes. 
1:7 Porque convém que o bispo seja irrepreensível, como despenseiro da casa de Deus, não soberbo, nem iracundo, nem dado ao vinho, nem espancador, nem cobiçoso de torpe ganância; 
1:8 Mas dado à hospitalidade, amigo do bem, moderado, justo, santo, temperante; 
1:9 Retendo firme a fiel palavra, que é conforme a doutrina, para que seja poderoso, tanto para admoestar com a sã doutrina, como para convencer os contradizentes. 
1:10 Porque há muitos desordenados, faladores, vãos e enganadores, principalmente os da circuncisão, 
1:11 Aos quais convém tapar a boca; homens que transtornam casas inteiras ensinando o que não convém, por torpe ganância. 
1:12 Um deles, seu próprio profeta, disse: Os cretenses são sempre mentirosos, bestas ruins, ventres preguiçosos. 
1:13 Este testemunho é verdadeiro. Portanto, repreende-os severamente, para que sejam sãos na fé. 
1:14 Não dando ouvidos às fábulas judaicas, nem aos mandamentos de homens que se desviam da verdade. 
1:15 Todas as coisas são puras para os puros, mas nada é puro para os contaminados e infiéis; antes o seu entendimento e consciência estão contaminados. 
1:16 Confessam que conhecem a Deus, mas negam-no com as obras, sendo abomináveis, e desobedientes, e reprovados para toda a boa obra. 

Daniel 12:1-13

12:1 E NAQUELE tempo se levantará Miguel, o grande príncipe, que se levanta a favor dos filhos do teu povo, e haverá um tempo de angústia, qual nunca houve, desde que houve nação até àquele tempo; mas naquele tempo livrar-se-á o teu povo, todo aquele que for achado escrito no livro.
12:2 E muitos dos que dormem no pó da terra ressuscitarão, uns para vida eterna, e outros para vergonha e desprezo eterno.
12:3 Os que forem sábios, pois, resplandecerão como o fulgor do firmamento; e os que a muitos ensinam a justiça, como as estrelas sempre e eternamente.
12:4 E tu, Daniel, encerra estas palavras e sela este livro, até ao fim do tempo; muitos correrão de uma parte para outra, e o conhecimento se multiplicará.
12:5 Então eu, Daniel, olhei, e eis que estavam em pé outros dois, um deste lado, à beira do rio, e o outro do outro lado, à beira do rio.
12:6 E ele disse ao homem vestido de linho, que estava sobre as águas do rio: Quando será o fim destas maravilhas?
12:7 E ouvi o homem vestido de linho, que estava sobre as águas do rio, o qual levantou ao céu a sua mão direita e a sua mão esquerda, e jurou por aquele que vive eternamente que isso seria para um tempo, tempos e metade do tempo, e quando tiverem acabado de espalhar o poder do povo santo, todas estas coisas serão cumpridas.
12:8 Eu, pois, ouvi, mas não entendi; por isso eu disse: Senhor meu, qual será o fim destas coisas?
12:9 E ele disse: Vai, Daniel, porque estas palavras estão fechadas e seladas até ao tempo do fim.
12:10 Muitos serão purificados, e embranquecidos, e provados; mas os ímpios procederão impiamente, e nenhum dos ímpios entenderá, mas os sábios entenderão.
12:11 E desde o tempo em que o sacrifício contínuo for tirado, e posta a abominação desoladora, haverá mil duzentos e noventa dias.
12:12 Bem-aventurado o que espera e chega até mil trezentos e trinta e cinco dias.
12:13 Tu, porém, vai até ao fim; porque descansarás, e te levantarás na tua herança, no fim dos dias.

Daniel 11:27-45

11:27 Também estes dois reis terão o coração atento para fazerem o mal, e a uma mesma mesa falarão a mentira; mas isso não prosperará, porque ainda verá o fim no tempo determinado.
11:28 Então tornará para a sua terra com muitos bens, e o seu coração será contra a santa aliança; e fará o que lhe aprouver, e tornará para a sua terra.
11:29 No tempo determinado tornará a vir em direção do sul; mas não será na última vez como foi na primeira.
11:30 Porque virão contra ele navios de Quitim, que lhe causarão tristeza; e voltará, e se indignará contra a santa aliança, e fará o que lhe aprouver; voltará e atenderá aos que tiverem abandonado a santa aliança.
11:31 E braços serão colocados sobre ele, que profanarão o santuário e a fortaleza, e tirarão o sacrifício contínuo, estabelecendo abominação desoladora.
11:32 E aos violadores da aliança ele com lisonjas perverterá, mas o povo que conhece ao seu Deus se tornará forte e fará proezas.
11:33 E os entendidos entre o povo ensinarão a muitos; todavia cairão pela espada, e pelo fogo, e pelo cativeiro, e pelo roubo, por muitos dias.
11:34 E, caindo eles, serão ajudados com pequeno socorro; mas muitos se ajuntarão a eles com lisonjas.
11:35 E alguns dos entendidos cairão, para serem provados, purificados, e embranquecidos, até ao fim do tempo, porque será ainda para o tempo determinado.
11:36 E este rei fará conforme a sua vontade, e levantar-se-á, e engrandecer-se-á sobre todo deus; e contra o Deus dos deuses falará coisas espantosas, e será próspero, até que a ira se complete; porque aquilo que está determinado será feito.
11:37 E não terá respeito ao Deus de seus pais, nem terá respeito ao amor das mulheres, nem a deus algum, porque sobre tudo se engrandecerá.
11:38 Mas em seu lugar honrará a um deus das forças; e a um deus a quem seus pais não conheceram honrará com ouro, e com prata, e com pedras preciosas, e com coisas agradáveis.
11:39 Com o auxílio de um deus estranho agirá contra as poderosas fortalezas; aos que o reconhecerem multiplicará a honra, e os fará reinar sobre muitos, e repartirá a terra por preço.
11:40 E, no fim do tempo, o rei do sul lutará com ele, e o rei do norte se levantará contra ele com carros, e com cavaleiros, e com muitos navios; e entrará nas suas terras e as inundará, e passará.
11:41 E entrará na terra gloriosa, e muitos países cairão, mas da sua mão escaparão estes: Edom e Moabe, e os chefes dos filhos de Amom.
11:42 E estenderá a sua mão contra os países, e a terra do Egito não escapará.
11:43 E apoderar-se-á dos tesouros de ouro e de prata e de todas as coisas preciosas do Egito; e os líbios e os etíopes o seguirão.
11:44 Mas os rumores do oriente e do norte o espantarão; e sairá com grande furor, para destruir e extirpar a muitos.
11:45 E armará as tendas do seu palácio entre o mar grande e o monte santo e glorioso; mas chegará ao seu fim, e não haverá quem o socorra.